Estrutura de custos: entenda como fazer em seu e-commerce e lucre mais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Saiba como fazer e a importância da estrutura de custos para o seu e-commerce

Informações importantes que vão ajudar você a entender como elaborar sua estrutura de custos e a economizar mais em seu e-commerce

Em momentos como os que estamos passando, de instabilidade econômica, manter uma estrutura de custo alinhada com as características da empresa passa a ser algo essencial.

Agir de forma diferente pode estar fazendo com que você esteja perdendo dinheiro ou não explorando todo o potencial da lucratividade do seu negócio.

Nesse sentido, para ajudar você nesse aspecto foi que preparamos o presente artigo.

Nele, vamos bater um papo sobre o que são custos, as diferentes classificações, a importância do plano de contas para o seu empreendimento, os problemas relacionados a um controle ineficiente dos seus gastos, as dificuldades enfrentadas por gestores quando se trata desse tema, como deve ser feita a gestão de custos para que ela tenha o máximo de eficiência e como o apoio de quem entende vai ajudar a simplificar tudo esse cenário.

Controle empresarial em momentos de instabilidade

Em um mundo globalizado, dar atenção de forma integral ao seu empreendimento é essencial.

Nesse sentido, a gente percebe que a administração é cada vez mais cobrada – e com razão, pois todos os fatos que afetam o negócio têm potencialidade de afastar ou de torná-lo mais próximo dos seus objetivos.

Isso vale para questões internas e externas.

Em um contexto de pandemia, de anúncios de guerra, de de ameaças e de mudanças profundas na legislação, acompanhar de perto os indicadores passa a ser não apenas uma forma de otimizar seus resultados, mas de proteção quanto a problemas que possam até mesmo comprometer a sua continuidade.

Nesse aspecto, estabelecer uma estrutura de custos passa a ser uma ferramenta valiosa no dia a dia do administrador, inclusive daquele que está à frente de um e-commerce, independente do tamanho e do segmento no qual opere.

A gente sabe que uma das vantagens desse modelo de negócio diz respeito aos baixos gastos necessários para funcionamento e para início de atividades.

Porém, diferentemente de empresas físicas, e-commerces passam a ter uma maior necessidade de outros desembolsos, os quais podem comprometer o caixa, quando feitos sem critério e de forma excessiva, ou mesmo seus resultados, quando se deixa de realizar ações necessárias, como é o caso do marketing digital.

Sendo assim, acompanhe os números do seu empreendimento.

Conhecer os diferentes tipos de custos a fim de diferenciá-los de despesas vai ajudar você nessa tarefa.

O que é estrutura de custos

De maneira objetiva, podemos entender a estrutura de custos como a forma com a qual sua empresa irá organizar os seus desembolsos de maneira que você possa ter uma visão ampla dos desembolsos realizados no seu negócio.

Por meio dela, você consegue identificar e mapear os gastos do seu negócio, o que vai ajudar no entendimento de como usar os seus recursos de maneira consciente.

Diante disso, a estrutura de custos está relacionada à forma como o seu plano de contas está estruturado, à maneira como ocorre o registro das movimentações em sua empresa e aos processos envolvidos no acompanhamento e no controle dos seus gastos.

Quais as diferenças entre custos e despesas?

Apesar de muitas pessoas utilizarem custos e despesas como sinônimos, contabilmente falando, eles têm significados diferentes.

Nesse sentido, estabelecer essas definições é importante, pois, a partir do momento em que você passa a conhecê-las, a forma como você realiza a sua estrutura de custos e como analisa as informações dos seus relatórios pode mudar de maneira significativa.

Ainda, ao se apropriar dessa informação, fica muito mais fácil ter um planejamento adequado das contas do seu empreendimento.

Mas, apesar de se tratarem de conceitos diferentes, ambos têm um ponto em comum: representam desembolsos feitos pelo seu negócio, bem como precisam de acompanhamento adequado para evitar que o seu dinheiro seja gasto de forma desnecessária e sem contribuir para alcançar sua lucratividade.

Ademais, conhecer a diferença entre custos e despesas permite que você produza uma estrutura de custos alinhada com as características do seu e-commerce.

Nesse sentido, os custos têm a ver com gastos relacionados com sua atividade-fim, ou seja, com o propósito de operação do seu e-commerce.

Digamos que você atue na revenda de mercadorias, o que é muito comum, então seus custos serão relacionados a aspectos como:

  • Aquisição de mercadorias;
  • Marketing;
  • Fretes;
  • Impostos incidentes sobre as vendas;
  • Comissões de cartão de créditos pagas nas vendas;
  • Gastos com a plataforma online;
  • Investimentos em soluções antifraudes;
  • Manutenção de estoques.

Já as suas despesas, na ótica contábil, estão relacionadas com os esforços que você faz para a obtenção de suas receitas.

Elas não vão ter relação direta com sua atividade-fim.

Tratando-se de um e-commerce, podemos entender com despesas:

  • Honorários contábeis;
  • Taxas bancárias;
  • Material de escritório;
  • Conta de água;
  • Lanches etc.

Dominar essa definição ajudará você a ter mais propriedade ao montar a estrutura de custos do seu negócio.

Por que é importante saber seu ponto de equilíbrio contábil e como o controle de custos ajuda nessa tarefa

Outro aspecto importante relacionado ao seu controle e à sua estrutura de custos está relacionado a ela proporcionar que você possa entender qual o seu ponto de equilíbrio contábil.

Apesar de ser um cálculo bastante simples, ele é muito útil à administração do seu e-commerce, pois ajudará você a entender quais as receitas necessárias para que não tenha prejuízos ao operar.

O ponto de equilíbrio contábil consiste no valor em que o seu e-commerce, ao operar, não tem lucro ou prejuízo.

Nesse contexto, os valores de custos e despesas se igualam às suas despesas e às suas receitas.

Quais os diferentes tipos de custos?

Outras definições importantes que você precisa conhecer ao montar sua estrutura de custos estão relacionadas às diferentes classificações de custos.

Sobre elas, vamos conversar nos próximos tópicos.

Custos diretos e indiretos

Essa classificação está relacionada à proximidade que o custo tem da sua atividade-fim.

Dessa forma, eles estão diretamente relacionados ao seu produto final.

No caso de um e-commerce, no qual se vendem mercadorias, referem-se àqueles que estão ligados à comercialização dos seus produtos.

Nele, fica evidente a relação entre o gasto com a venda dos seus produtos.

Um exemplo disso é o gasto com embalagens utilizadas para entregar os itens ao consumidor.

Já os custos indiretos não possuem relação estreita com sua atividade-fim.

Na verdade, a relação não costuma ser tão evidente.

Por exemplo, os gastos com salários de um gerente de vendas de e-commerce.

Custos fixos e variáveis

Tratando-se dos custos fixos e variáveis, eles se relacionam com a sua produção.

Nos fixos, tendo aumento de suas vendas, não há modificação nos valores que você pagará.

Por exemplo, a mensalidade paga na plataforma que você utiliza será a mesma independentemente do seu faturamento mensal.

Já os custos variáveis vão aumentar ou diminuir em relação à quantidade de vendas ou de serviços prestados no período,em seu e-commerce.

Aquisição de mercadorias e valores relacionados a fretes são exemplos de custos variáveis.

Entender essa classificação vai ajudar você a evitar problemas, principalmente aqueles relacionados aos gastos incorridos quando seu negócio tem aumento de demanda.

O que é um plano de contas e por que ele é importante para sua empresa?

Outro aspecto importante, quando se trata de estrutura de custos, está relacionado ao seu plano de contas.

A fim de que você tenha um melhor controle dos seus gastos, é necessário registrar toda movimentação econômica e financeira ocorrida no seu e-commerce, você concorda?

Isso é feito com a ajuda de contas, que permitirá que você organize todas as receitas, os custos e as despesas ocorridas em um período.

Por exemplo, ao realizar o pagamento de frete, o valor deverá ser registrado em conta de nome “Frete”; ao pagar o salário de um colaborador, em uma conta “Salários a pagar”, correto?

Ao organizar dessa forma, fica muito mais fácil entender de onde veio e para onde os seus recursos foram direcionados.

Sendo assim, ao grupo dessas contas, em contabilidade, denominamos de “plano de contas”.

Eles podem ser entendidos como um conjunto de contas que vão direcionar os trabalhos de um contador, ou gestor, tratando-se do seu e-commerce.

Como cada empresa possui características e rotinas diferentes, é importante que o plano de contas utilizado, ao definir sua estrutura de custos, leve em consideração as particularidades do seu negócio.

Isso ajudará principalmente no futuro, quando estiver analisando seus relatórios, pois tal ação permite maior compreensão sobre de onde veio e de onde o dinheiro da sua empresa foi aplicado.

Quais problemas você pode ter ao não realizar um controle adequado de custos?

Ter um acompanhamento adequado dos custos é fundamental para qualquer tipo de negócio.

Quando você não prioriza isso em sua empresa, corre o risco de gastar seus recursos de maneira inadequada, permitindo que gargalos consumam os seus lucros.

Dessa maneira, não controlar da maneira devida os gastos da sua empresa pode privar você do uso eficiente dos seus valores.

Nesse viés, sem uma estrutura de custos adequada, fica difícil conhecer desembolsos que podem ser evitados e valores os quais poderão ser direcionados a áreas mais produtivas em seu e-commerce.

Contribui, também, para que sua empresa fique mais exposta a ações fraudulentas, como furtos dos seus produtos etc.

Ainda, tratando-se de plano de contas, outro ponto importante que você precisa conhecer e que também pode ajudar na estrutura de custos é o centro de custos.

Nele, sua empresa passa a ser separada em projetos ou mesmo em setores.

Então, seu plano de contas pode também ser utilizado para representar esse centro de custos, os quais vão ajudar você a ter uma melhor noção das receitas, dos custos e das despesas realizadas durante suas atividades.

Quais as principais dificuldades que gestores possuem quando se trata de estrutura de custos?

É fato que nem sempre desenvolver a estrutura de custos do seu e-commerce será uma tarefa fácil.

Inicialmente, muitos administradores podem ter dificuldades em entender a importância de realizar esse acompanhamento.

Ainda, podem surgir obstáculos durante a elaboração de uma estrutura que seja alinhada com as características do negócio.

Também definir plano de contas que, de fato, exprime a realidade da empresa ou mesmo organizar centros de custos que ajudem na interpretação futura das informações são outros problemas com os quais administradores de e-commerces podem ter que lidar.

Como deve ser feita uma gestão de custos eficiente?

Então, como vimos até aqui, uma gestão adequada de custos demanda, inicialmente, que você domine os termos trazidos em nossa conversa.

Posteriormente, é fundamental que você elabore um plano de contas que reflita as necessidades do seu negócio, com contas alinhadas às movimentações do seu e-commerce.

Também é importante estabelecer rotinas que permitam registro adequado de todo e qualquer valor movimentado em sua empresa.

Além disso, é essencial pontuar relatórios que serão usados para acompanhar seus números e como suas decisões estão repercutindo nos resultados do negócio.

Estabeleça indicadores que devam ser extraídos desses dados, isso possibilitará um melhor acompanhamento.

Lembre-se de fazer uma análise periódica em seus números a fim de entender, de fato, o reflexo prático das suas decisões.

Não obteve o resultado esperado?

Então busque novas alternativas, o foco é enxugar gastos, aumentar lucros, mas tudo isso considerando o propósito da sua empresa e a satisfação dos seus clientes.

Como o apoio de quem entende vai ajudar você nessa tarefa?

Ter suporte especializado vai ajudar você a montar a estrutura de custos do seu e-commerce com mais facilidade.

Ainda, com a ajuda de quem conhece o assunto, fica muito mais simples elaborá-la de acordo com as características da sua empresa.

Então, aqui, cabe lembrar que o contador é o profissional indicado para ajudar você nessa tarefa, já que a elaboração de estrutura de custos está contemplado por seu campo de atuação.

Cabe lembrar também que ele ajudará você muito além, como, por exemplo, na extração e na interpretação de índices que vão ajudar você quanto ao entendimento adequado das informações geradas.

Isso tudo considerando as suas especificidades e o cenário do mercado.

Por que contar com a Contábil Rio?

Nós, da Contábil Rio, somos uma contabilidade que entende de e-commerce e temos o preparo necessário para ajudar você na elaboração não apenas da sua estrutura de custos, mas também a acompanhar a evolução econômica e financeira da sua empresa.

Por meio da nossa expertise, você terá apoio para entender os resultados do seu negócio e suporte para decidir com base em sua realidade.

Com a gente, você conta com soluções completas as quais vão ajudar sua administração ser muito mais simples e eficiente, inclusive ao promover a conformidade tributária, trabalhista e previdenciária.

Vamos bater um papo a fim de que a gente possa passar mais detalhes sobre os benefícios que seu e-commerce terá ao contar com a nossa parceria?

Para isso, basta clicar no link abaixo!

Preciso de apoio para ter total controle do meu e-commerce!

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Contábil Rio.

Nossa especialidade é resolver sua burocracia e cuidar das principais áreas da sua empresa, como as áreas: 

  • Contábil;
  • Fiscal;
  • de Legalização;
  • Tributária;
  • Trabalhista;
  • de Departamento Pessoal.

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website; caso prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior esquerdo.

Estamos esperando por você!

5/5 - (1 vote)
Summary
Estrutura de custos: entenda como fazer em seu e-commerce e lucre mais
Article Name
Estrutura de custos: entenda como fazer em seu e-commerce e lucre mais
Description
Saiba como fazer e a importância da estrutura de custos para o seu e-commerce. Leia nosso post e confira como economizar mais.
Author
Publisher Name
Contábil Rio
Publisher Logo

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



CADASTRE-SE EM NOSSA

NEWSLETTER

Receba nossos Artigos no seu e-mail!

Basta preencher o formulário abaixo para ficar por dentro de tudo que preparamos para sua educação corporativa.

Recomendado só para você!
Conheça quais são as obrigações acessórias do regime tributário do…